Historial | Arquivo Distrital da Guarda
Saltar os Menus

Historial

Um Serviço Público com História…

A ideia da criação de um arquivo de âmbito distrital na sede de cada Distrito estava já patente no Decreto n.º 19.952 de 27 de Julho de 1931. O Decreto-Lei n.º 46:350 de 22 de Maio de 1965, criava e remodelava vários arquivos distritais entre eles o da Guarda, no entanto só quase duas décadas depois o Arquivo Distrital da Guarda abriria ao público.

A 1 de Outubro de 1982, a Direcção Geral do Património do Estado, cede ao Instituto Português do Património Cultural, o edifício do antigo Convento de São Francisco da Guarda, que recentemente tinha deixado de ser quartel e sede do Regimento de Infantaria n.º 12.

Após obras de adaptação numa pequena parte do edifício, o Arquivo Distrital da Guarda, começaria a funcionar em Setembro de 1984.

A incorporação de documentação proveniente de diversos organismos públicos e privadClaustroos de
todo o Distrito, cedo quase esgotou a pequena capacidade de depósito de então.

Uma recuperação mais profunda das alas sul e poente do edifício do antigo convento franciscano, veio dotar o Arquivo Distrital, a partir de Junho 1993, de uma capacidade de depósito para cerca 3 km de documentos, dispondo de uma ampla sala de leitura, de um espaço polivalente destinado a exposições e auditório, entre outros recursos.

Última Actualização: 9 de Junho de 2015